Política Redes Sociais

O segundo golpe de Toffolli ataca agora juízes e desembargadores que criticaram STF

O filhote de ditador Dias Toffoli ataca mais uma vez
Compartilhe nas redes sociais:
Whatsapp

O filhote de ditador Dias Toffoli ataca mais uma vez.

Anúncios

E agora mira sua própria carne.

Procedimento secreto pedido pelo ministro do Supremo investiga a ‘conduta’ de juízes e desembargadores que ‘ousaram’ criticar os deuses do STF.

A investigação tramita no CNJ, e é presidida por Toffoli, para investigar juízes que ousaram criticar o ministro e colegas alinhados a ele em grupos privados de Whatsapp. Alguns já foram convocados a prestar esclarecimentos.

Toffoli criou um “grupo de trabalho” para estabelecer normas de controle sobre as redes sociais de juízes, mas o procedimento sigiloso no CNJ dá um passo além: constrange magistrados antes mesmo do estabelecimento das tais normas por si só limitadoras da liberdade de expressão e opinião a que juízes também têm direito.

Curta O ALERTA no Facebook: clique aqui

Foto: Pedro Ladeira/FolhaPress

Compartilhe nas redes sociais:
Whatsapp
Anúncios

Deixe uma resposta